Prévia da Rentabilidade de Novembro/2020

Prévia da Rentabilidade de Novembro/2020

O mês de novembro novamente trouxe muita volatilidade em todos os mercados. O mês também foi marcado por recordes de alta em diversos índices de bolsa ao redor do mundo. O IBOVESPA fechou em 15,90%, enquanto Nasdaq e S&P subiram 11,8% e 10,8% respectivamente.

A princípio, há três fatores que explicaram essas altas. A primeira é o fim das incertezas relacionadas às eleições americanas, com a vitória consolidada do democrata Joe Biden e sem um controle sobre o Congresso. O Segundo foi o avanço do desenvolvimento de vacinas contra o coronavírus. E o terceiro, foi a rotação de setores que atuam nos segmentos mais afetados pela crise da Covi-19, como foi o caso de instituições financeiras e commodities, que são justamente os que mais tem peso no Ibovespa. Especificamente para o Brasil, forte fluxo de capital estrangeiro para as ações influenciaram para o melhor mês de novembro desde 1999.

Destaque também para os dados chineses divulgados que mostra retomada da economia, permanecendo forte, diante de políticas monetária e fiscal expansionistas.

Sobre os índices locais, o mês de novembro fechou com Ibovespa positivo em 15,90%, CDI 0,15%, IMA-b 2,00% e dólar teve uma desvalorização frente real em -6,74%.

A carteira consolidada do OABPREV-SC fechou o período de novembro com rentabilidade bruta positiva aproximada em 2,12%, lembrando que com a taxa de administração haverá uma redução de 0,03% da rentabilidade bruta, ou seja, a rentabilidade líquida deve ficar positiva  2,09%. Já no ano a carteira deve fechar próximo a 2,60% (rentabilidade bruta).

Já o índice de referência deve fechar próximo a 0,71% e no ano está 7,30%.

As gestoras tiveram performances diferentes devido as suas estratégias, a Mongeral teve performance positiva de 0,99%, e no ano está positiva em 3,12 %, a carteira de investimentos no exterior fechou positiva em 4,12%. A Carteira da Somma Investimentos fechou positiva em 1,91%, e no ano está positiva em 2,78%, e por fim a Vinci Partners teve a performance influenciada pela sua estratégia de risco em bolsa, e devido ao mês positivo a rentabilidade fechou em 5,17% e no ano está positiva em 2,24%.

Sobre a expectativa para dezembro, espera-se com otimismo, sendo um mês com bastante volatilidade e com resultados próximos ao mês de novembro.

GestoraPatrimônio%PLRentbilidade2020
VINCI37.941.489,7519%5,17%2,24%
MONGERAL87.442.252,8043%0,99%3,12%
MONG EXT     2.449.707,031%4,12%23,32%
SOMMA76.648.650,5937%1,91%2,78%
TOTAL204.482.100,1712,12%2,57%
BenchmarkMês2020
IBOVESPA15,90%-5,84%
IMAB2,00%1,48%
CDI0,15%2,60%
IHFA2,74%2,49%
DOLAR-6,74%32,31%
INPC+4,240,71%7,30%